Aigle Azur entra com pedido oficial de falência

 

 

Companhia aérea francesa anunciou a decisão através de uma nota.

 

A empresa francesa Aigle Azur anunciou hoje (03/09) a decisão de entrar com o pedido de falência, alegando estar atravessando um período de grandes dificuldades. Dentro de 2 meses, a empresa espera vender parte ou até mesmo a totalidade de suas ações. Portanto, como uma tentativa de reverter o quadro atual.

Em junho foi forçada a devolver nove A320s e, desde então, seguia sendo pressionada para que devolvesse outros três jatos. Agora em agosto, a Aigle Azur também encerrou as operações no Brasil, trazendo indícios de que estaria perto do fim.

 

Embora tenha entrado com pedido de falência, a companhia francesa afirmou que continuará operando voos durante um “período de observação”.

 

A Aigle Azur é comandada pelo CEO Frantz Yvetin, apoiado pelo grupo chinês HNA, que detém uma participação de 49%, juntamente com David Neeleman, fundador da Azul, que possui 32% da companhia aérea.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui