terça-feira, agosto 9, 2022
HomeInformaçõesAzul amplia gama de serviços realizados em seu novo hangar de Campinas

Azul amplia gama de serviços realizados em seu novo hangar de Campinas

Empresa já está utilizando o maior hangar da América do Sul para reparo de estruturas, paradas especiais e manutenções de alta complexidade; complexo receberá ainda novas oficinas nos próximos meses e passará por transformação digital para garantir eficiência e controle de processos

O maior hangar da América do Sul está tendo papel cada vez mais relevante para as operações da Azul. Assim como está acontecendo em toda a empresa, a saúde de seus Tripulantes é prioridade, é por isso que o local e os Tripulantes que trabalham no espaço estão seguindo todas as regras de higiene e limpeza para a preservação da segurança sanitária.

Inaugurado no primeiro trimestre deste ano, o espaço estava sendo utilizado para a preservação da frota em função da crise causada pela pandemia da COVID-19. Com o início da retomada dos voos, o complexo já está realizando diversas tarefas de manutenção. Até o fim do ano, a companhia irá agregar ao local novas oficinas, que darão suporte aos serviços de reparos feitos nas aeronaves e também iniciará processo de transformação digital para garantir mais eficiência nos processos e controles.

Há alguns meses, os profissionais que trabalham no hangar estão auxiliando a operação diária da Azul recebendo aviões que necessitam fazer paradas especiais e também reparos nas estruturas. Agora em julho, o prédio recebeu a primeira aeronave para manutenção de grande complexidade, o heavy check.

A aeronave Airbus A320neo, de matrícula PR-YRA, ficou estacionada para a manutenção no prédio da Azul, em VCP, entre 7 e 15 de julho. Cerca de 70 profissionais ficaram dedicados para a realização do serviço nesses dez dias, em um total de 4.500 horas de trabalho.

Realizar esse trabalho é um marco relevante para a empresa. Segundo Flavio Costa, vice-presidente Técnico-Operacional da companhia, conduzir esse tipo de tarefa “dentro de casa” dá a Azul condição de ser mais eficiente e flexível com seus recursos. “A partir do momento que somos nós realizando o serviço, conseguimos melhorar de forma contínua todos os processos que envolvem o heavy check. Garantimos qualidade na execução e também diminuição dos custos. Além, é claro, de aprimorar o conhecimento de nossos técnicos, protegendo postos de trabalho e criando novas oportunidades internamente e também para o mercado”, afirma o executivo.

Outro benefício que o complexo de manutenção da Azul instalado em Viracopos oferece para o processo é a estrutura de oficinas próprias. “Nesses espaços, peças que precisam de reparos podem ser consertadas e instaladas novamente pelo nosso time de especialistas ali mesmo no hangar. Isso proporciona uma eficiência enorme para o trabalho de heavy check”, explica Carlos Naufel, diretor Técnico da Azul.

Agora que o hangar de Viracopos está realizando o seu primeiro trabalho de manutenção de longa duração em uma única aeronave, a expectativa da empresa é de conseguir alcançar o mesmo nível de excelência que já possui com a manutenção de outros modelos de sua frota, como o E-Jet e o ATR. “A curva de aprendizado será enorme e o mais importante é que todos os Tripulantes envolvidos nesse primeiro processo conseguirão alcançar um novo patamar de conhecimento técnico, o que nos oferecerá uma condição superior na hora de iniciarmos o segundo heavy check em Campinas”, diz Naufel.

RELATED ARTICLES

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisment -
Google search engine

Most Popular

Recent Comments