British Airways experimenta veículos autônomos de mobilidade no JFK de Nova York

A British Airways diz que se tornou a primeira companhia aérea a testar “dispositivos de mobilidade elétrica totalmente autônomos” na América do Norte.

O teste fez com que a transportadora se associasse à empresa de tecnologia japonesa Whill para fornecer cadeiras de rodas autônomas para seus clientes que viajam pelo aeroporto JFK de Nova York.

De acordo com a BA, os dispositivos “são equipados com tecnologia anticolisão e permitem que os clientes definam seu destino preferido em qualquer lugar dentro do aeroporto”, permitindo que os clientes naveguem no terminal “sem a necessidade de assistência de acompanhantes de viagem ou da equipe de suporte do aeroporto”.

Os usuários podem alterar seu destino no aeroporto usando um aplicativo móvel e, assim que chegarem ao portão e descerem da cadeira, ele retornará a uma estação de ancoragem pronta para o próximo cliente.

Quer receber conteúdo gratuito do Trechos e Milhas sobre viagens e milhas aéreas? Acesse nosso canal Telegram!

Ricardo Vidal, chefe de inovação da BA, disse que: “Nos próximos meses, estaremos colaborando em mais uma avaliação em nosso movimentado hub doméstico no Terminal 5 de Heathrow para obter mais feedback e explorar a introdução dessa tecnologia junto à nossa equipe de clientes. profissionais de serviços para fornecer uma experiência aeroportuária verdadeiramente integrada e acessível ”.

Em dezembro, o CEO da BA, Alex Cruz, assinou uma promessa de compromisso da companhia aérea com o The Valuable 500, um movimento global destinado a tornar a acessibilidade uma prioridade dos negócios.

A transportadora disse que quase meio milhão de clientes que viajam com a BA a cada ano precisam de assistência adicional, com esse número aumentando em 10% até 2021.

Veja também: passo a passo de como tirar o seu passaporte.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui