Conheça os cinco produtos brasileiros mais pedidos no exterior

Os brasileiros adoram trazer coisas do exterior para cá, desde produtos estéticos, para crianças, tecnológicos e muito mais. Mas, os gringos também gostam bastante dos produtos nacionais, sem falar de quem viveu aqui e mora em outro lugar. Um levantamento da Grabr , plataforma de compartilhamento de bagagem, mostra que o Brasil é famoso mesmo pela comida.

Quer receber conteúdo gratuito do Trechos e Milhas sobre viagens e milhas aéreas? Acesse nosso canal Telegram!

Fora os conhecidos chinelos Havaianas, o top 5 de produtos tupiniquins mais pedidos na plataforma é todo formado por quitutes. Refrigerante, pão de queijo, chocolate e bebida: aparentemente, o brasileiro sabe muito bem conquistar pela barriga. Outro item que não surpreende estar dentro da lista é a cachaça. O destilado nacional é o principal ingrediente da amada caipirinha e outros drinks.

• Guaraná Antarctica;

• Pão de queijo;

• Sonho de Valsa;

• Havaianas;

• Cachaça.

A Grabr conta com 1,4 milhão de usuários em 120 países, sendo a maioria (48%, quase 500 mil pessoas) no Brasil. Apenas ano passado, os viajantes cadastrados alcançaram 67 pátrias diferentes. Segundo a plataforma, as pessoas que inevitavelmente vão viajar, por trabalho ou diversão, usam o aplicativo para gerar uma renda extra, trazendo e levando produtos do Brasil para fora, e do exterior para cá.

Como funciona


Por meio do computador ou do smartphone (Android ou iOS ), o consumidor se cadastra, coloca seu pedido e a cidade onde mora. Enquanto isso, o viajante visualiza todos os pedidos no trecho que irá percorrer e faz uma oferta, colocando informações como dia de chegada, seu histórico de entregas e qual a recompensa pedida pelo serviço. Com isso, é colocado uma taxa para fazer a compra e entrega que fica ao critério de quem viaja, podendo chegar até 15% do valor total da peça.

Veja também: passo a passo de como tirar o seu passaporte.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui