Delta amplia isenção de taxa de alteração de voos até 30 de junho

A Delta está estendendo sua isenção de taxa de alteração para novos voos comprados até 30 de junho.

A transportadora dos EUA disse em comunicado divulgado em seu site que os passageiros podem alterar seus planos de viagem sem taxa por um ano a partir da data da compra.

A companhia aérea também está permitindo que os passageiros que foram afetados por alterações no cronograma reservem novamente as viagens até 30 de setembro de 2022. Passageiros elegíveis incluem aqueles que já reservaram viagens entre agora e 30 de setembro deste ano em 17 de abril de 2020 e aqueles cujas viagens foram canceladas entre março de 2020 e setembro de 2020.

A Delta está aumentando o número de voos em junho. A companhia informou que adicionou cerca de 100 voos diários ao seu horário de junho, em comparação a maio.

Os passageiros que viajam com a companhia aérea precisam usar uma máscara facial, começando no saguão de check-in, nos salões da Delta, nas áreas dos portões de embarque, pontes a jato e a bordo da aeronave durante a duração do voo – exceto durante o serviço de refeições.

A transportadora disse que também pratica o distanciamento social em suas aeronaves até 30 de junho, bloqueando os assentos do meio da venda em todos os voos.

Quer receber conteúdo gratuito do Trechos e Milhas sobre viagens e milhas aéreas? Acesse nosso canal Telegram!

Veja também: American Airlines estende isenção de taxa de alteração de voo até setembro

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui