MSC Cruzeiros atualiza o itinerário da ‘Grand Voyage’ do MSC Bellissima para a Ásia

A MSC Cruzeiros atualizou o itinerário da Grand Voyage de 28 noites do MSC Bellissima, que partirá do Golfo para a Ásia, no dia 21 de março.

O itinerário atualizado da Grand Voyage, de 21 de março a 18 de abril, terá o cancelamento das visitas aos portos de Shenzhen, na China continental; Hong Kong; e Keelung, em Taiwan, e a inclusão de Laem Chabang / Bangkok, na Tailândia; Phu My / Ho Chi Minh City, no Vietnã; bem como um dia adicional em Kobe, no Japão. Além disso, o navio agora também fará uma escala na Ilha Sir Bani Yas, nos Emirados Árabes Unidos, em vez de Khor Fakkan.

A Grand Voyage de 28 noites do MSC Bellissima para a Ásia começará em 21 de março em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, com escalas no Golfo, incluindo Abu Dhabi e Ilha Sir Bani Yas. A viagem continuará mais à leste com escalas em Colombo, no Sri Lanka; Phuket, na Tailândia; Langkawi, Penang e Port Klang / Kuala Lumpur, na Malásia; e Singapura. O navio seguirá para Laem Chabang / Bangkok, na Tailândia; Phu My / Ho Chi Minh City, no Vietnã; terá um pernoite em Kobe, no Japão; e por fim chegará ao seu destino final, Yokohama, também no Japão, em 18 de abril.

Quer receber conteúdo gratuito do Trechos e Milhas sobre viagens e milhas aéreas? Acesse nosso canal Telegram!

Para proteger a saúde e a segurança de seus hóspedes e tripulantes globalmente, a MSC Cruzeiros iniciou, em 24 de janeiro, uma série de ações preventivas em toda a sua frota devido ao novo coronavírus originário da China. Embora não haja casos de coronavírus a bordo de nenhum navio da MSC Cruzeiros, essas medidas são etapas adicionais para garantir a saúde e o bem-estar de todos os hóspedes e tripulantes. Os hóspedes que embarcam em um cruzeiro devem levar em consideração o seguinte:

• Qualquer pessoa que tenha viajado a partir da, para e pela China continental, Hong Kong ou Macau nos últimos 30 dias, ou visitado ou transitado por meio de aeroportos nesses locais, não poderá embarcar no navio. As mesmas regras se aplicam aos companheiros de viagem desses passageiros (pais, cônjuge, filhos, irmãos ou acompanhantes que compartilhem a cabine);

• Passageiros com sinais ou sintomas da doença como febre (≥38 C ° / 100,4 F °), estado febril, calafrios, tosse ou dificuldade para respirar, não poderão embarcar. As mesmas regras se aplicam aos seus companheiros de viagem;

• Qualquer pessoa que, em até 14 dias antes do embarque, tenha tido contato próximo ou tenha ajudado a cuidar de alguém com suspeita ou diagnosticado com coronavírus, ou que esteja atualmente sujeito a monitoramento de saúde sobre possível exposição ao coronavírus, não poderá embarcar no navio;

• A MSC Cruzeiros continuará realizando triagens antes do embarque para que essas medidas preventivas sejam aplicadas;

• Passageiros com passaporte chinês que não tenham viajado a partir da, ou pela China continental, Hong Kong ou Macau nos últimos 30 dias e que estejam com boa saúde, podem embarcar no navio. No entanto, as autoridades de alguns países não estão permitindo, temporariamente, que os portadores de passaporte chinês viajem para seus territórios. Dessa forma, os passageiros com passaporte chinês são aconselhados a verificar as restrições de viagem que podem ser aplicadas.

Além disso, elevamos o nível de profunda higienização em todos os navios da nossa frota e recomendamos que os hóspedes e a tripulação sigam sempre as diretrizes de saúde e segurança, como lavar as mãos regularmente com água e sabão por 20 segundos, e todos os outros procedimentos de saúde pública recomendados.

As medidas acima e a decisão de alterar o itinerário do navio foram tomadas pensando na segurança e bem-estar dos hóspedes e tripulantes da MSC Cruzeiros.

Veja também: 15 dicas sobre o que fazer antes de viajar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui