O que aconteceria?

Estritamente falando a companhia teria que realizar o voo. Contrato de transporte isso. Agora, em termos práticos, a empresa pode compensar monetariamente o passageiro “único” ou ajustar ele em um outro voo de outra companhia de aviação que faça a mesma rota.

Depende da situação, já houve fatos de voar apenas um passageiro, inclusive em voos longos, transatlânticos. E fatos em que a viagem foi cancelada tendo de antemão sido proposto que o voo só sairia dentro de determinadas condições (como um número mínimo de passageiros, por exemplo).

Poderia a empresa voar com um só passageiro se se tratasse de um voo de reposicionamento da aeronave (e sendo assim, um passageiro pode ser melhor que nada”, já que o voo teria de acontecer de qualquer forma). Esses voos vazios se chamam “ferry”.

Eis alguns passageiros que tiraram a sorte grande:

Ele foi o único passageiro a bordo de um 737 – e voou na classe econômica

Lituano compra única passagem de um Boeing 737 para a Itália e viaja sozinho no avião

Já aconteceu isso com você? Conta pra gente!

Veja também: Porque somos obrigados a abrir a persiana das janelas do avião?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui